E 2008 se vai…

Publicado: 23/12/2008 por Paulo Medeiros em Bla Bla Blas


Apenas dando as boas vindas do novo Blog explico que estou deixando o Multiply simplesmente porque quero renovar e apesar dele ser uma ótima ferramenta de spam para promoção do site ele é extremamente limitado com relação a recursos portanto estarei migrando agora para um novo tempo no wordpress e espero com uma maior freqüência dessa vez 😉

aaaa sim.. já ia esquecendo e também porque aqui fica mais fácil das pessoas deixarem seus comentários

Bons, final de ano.

Acho que ja se tornou parte da natureza humana (pelo menos ocidental) tornar momentos em ritos de passagem. Creio que a necessidade do homem de ser existir fazer parte de algo faz com que ele venha utilizar da contagem do tempo.

Pois bem, vamos então filosofar nessa questão, aproveitando a deixa do final do ano. A necessidade do homem de sentir parte de algo maior fez com que ele utilizasse exatamente o nascimento da figura de um Deus encarnado em Homem para constituir sua contagem de tempo antes e depois de Cristo. Eu particularmente creio que essa vontade  de ser algo alem do que seus próprios olhos podem ver, nada mais é que um vazio, uma ausência, ha qual precisa ser preenchida ao nos retomarmos as perguntas que nos atormentaram desde que nos tornamos animais racionais: Quem realmente sou eu? Onde eu realmente estou? O que é real? Aquilo que eu toco? Cheiro? Vejo? Ouço? Porque eu estou exatamente aqui e nesse “tempo” chamado agora? a verdade é que o ser humano por mais que se avance nas ciências e tecnologias nunca poderá responder tais perguntas se não se abrir para aquilo que não se ve, não se toca, não cheira, não ouve, aquilo que transcende o material, quebra todas as regras das ciências e torna as convicções do que é impossível se quebrarem tornando-se realidade. A estas coisas costumamos chamar de sobrenatural e eu particularmente acredito muito no inexplicável, no invisível, nas coisas trazem sentido a nossa existência. Sim eu acredito em um Deus tão Poderoso e Grandioso que criou não só essa infinidades de coisas que existem em nosso planeta que nossa mente medíocre não teve capacidade ainda de conhecer tudo, mas muito alem disso criou todo o universo com o qual eu não consigo sequer imaginar a minha insignificância perto de toda essa criação.

E hoje estamos as vésperas de se comemorar exatamente o nascimento desse Deus-Homem que vem exatamente trazer aquilo que vai preencher esse vazio dentro dos homens, a reconciliação do mortal com o eterno.

Não acho que foi atoa a escolha desse dia do ano para se comemorar esse acontecimento, é uma data próxima de um marco de tempo o fim de um período inicio de outro, e nada mais natural de nós seres humanos pararmos para refletir.

Reflitamos então, reveja seu ano, O que foi importante pra você? Atrás do que você correu? Que frutos você deu?

E prepare-se, pois um novo dia começa a nascer e com ele um novo período, um novo tempo, uma nova chance. Não perca a oportunidade, reavalie as importâncias e busque nesse novo tempo um renovo de vida.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s